Descubra aqui quanto tempo dura a transição capilar!

Tomar a decisão de assumir os cabelos naturais exige paciência e alguns cuidados primordiais com os fios. Algumas questões, no entanto, são inevitáveis. Você já se perguntou quanto tempo dura a transição capilar?

É importante ressaltar que essa é uma pergunta relativa, porque não existe um tempo estipulado para durar e cada pessoa enfrenta esse período de uma forma. Cada tipo de cabelo, independentemente do grau de curvatura, reage de maneira diferente ao processo.

Sendo assim, preparamos especialmente para você um miniguia de como lidar com seus cabelos no período de transição e explicaremos alguns conceitos bem populares entre pessoas cacheadas e crespas. Continue a leitura e acompanhe!

O que é transição capilar?

Por anos, a sensação que tínhamos era a de que só o cabelo liso era aceito na sociedade. Isso porque apenas ele era bem visto em novelas, passarelas, revistas, propagandas e demais ocasiões.

Só que isso veio mudando com o tempo e, hoje, somos mais capazes de perceber que o empoderamento estético passa pela aceitação de nossas raízes e do nosso cabelo natural, não é mesmo?

O período que vai do momento em que deixamos de usar químicas no cabelo até voltar o estágio natural dos fios é o que popularmente chamamos de transição capilar. A decisão de parar de alisar, relaxar, fazer progressiva ou qualquer outro procedimento químico está ligada à aceitação e o empoderamento da pessoa negra sobre seu estilo.

Como foi dito, o tempo para a transição dependerá do ritmo de crescimento do cabelo. Ou seja, além de usar bons cosméticos e usufruir de tratamentos que auxiliam nesse processo, cuidados com a alimentação também são fundamentais para que ela tenha sucesso.

Durante a transição você notará algumas situações que é melhor aceitar, pois serão importantes na jornada para alcançar o volume que espera. Por isso, aquele frizz, o scab hair e o desejo insano de cortar os cachos são absolutamente normais e será preciso ter paciência.

O que é o big chop?

Não é algo obrigatório e vai muito do gosto da pessoa, pois é uma mudança radical no visual e o princípio de um novo ciclo durante a transformação. Em vez de cortar apenas as partes que passaram por tratamentos químicos, o BC tem a missão de extrair o alisamento de uma única vez, cortando radicalmente todos os fios.

Caso você queira fazê-lo, faça quando você se sentir mais a vontade! Não há regra quanto ao tempo, seja quando sua raiz natural se encontrar na metade dos cabelos, seja na hora hora que houver pouca raiz natural, a escolha é sua.

O BC é uma prova incrível de aceitação de si mesma e, portanto, ignore os comentários maldosos de familiares e amigos que não entendem o verdadeiro motivo de você optar por deixar o cabelo natural. 

Como o cronograma capilar pode ajudar?

No intuito do cabelo apresentar um crescimento saudável, o cronograma capilar tem um papel importante durante o período de transição. Esse tipo de tratamento é necessário para trazer os nutrientes que são fundamentais para os fios.

Resumidamente, o cronograma é divido em uma sequência de cuidados:

  • a hidratação, responsável por devolver a água aos fios e deixá-los mais macios;
  • a nutrição, para repor os óleos essenciais às madeixas;
  • a reconstrução, importante etapa para recuperar a queratina presente no cabelo e conferir maior resistência a ele.

O que recomendamos é que as etapas do cronograma sejam realizadas com intervalos semanais, pelo menos, e que sempre inclua produtos de hidratação, nutrição e reconstrução — conforme a necessidade do seu black. Caso tenha dificuldade em saber o que o seu cabelo necessita, busque por profissionais especializados que possam te orientar. Lembre-se também de que o cabelo crespo em transição necessita de cuidados diferentes do cabelo que deseja manter alisado.

Para encerrar a explicação de quanto tempo dura a transição capilar, algumas dicas são muito importantes, como fazer texturizações, utilizar penteados e tranças para facilitar a espera e recorrer às técnicas de no poo e o low poo.

Você curtiu este post sobre transição? Lembrou-se de alguma situação ou dúvida que teve? Então, deixe o seu comentário e compartilhe com a gente sua opinião sobre o assunto!

Todo Black é Power

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This