Você sabe como escolher a base certa? Aprenda agora mesmo!

Nada como uma maquiagem bem-feita para dar aquela levantada na nossa autoestima, não é mesmo? Pensando nisso, você sabe como escolher a base certa para o seu tipo e cor de pele? Muitas pessoas têm essa dúvida, afinal, há muitas opções no mercado e, como o próprio nome diz, ela é a base de todo o trabalho.

Para ajudar você a acertar de uma vez por todas, vamos dar algumas dicas que vão facilitar essa tarefa. Então, preste bastante atenção e aproveite!

Use o tom do seu corpo

O erro mais comum ao escolher a cor da base é tomar o local errado como referência. A principal função desse produto é uniformizar a pele para receber as diferentes nuances das próximas etapas, como contorno, blush e iluminação, por exemplo.

Contudo, o rosto não pode ficar parecendo uma parte destacada do restante do corpo. Por isso, a cor deve seguir a tonalidade do pescoço e colo de modo a evitar que a maquiagem pareça uma máscara.

Teste a cor no rosto

Outro erro muito cometido é fazer o teste de cor da base no pulso. Nosso corpo, principalmente o negro, tem diferentes tonalidades conforme o local e o nível de exposição da pele ao sol. Sendo assim, a pele do rosto tem uma cor e a dos braços e mãos tem outra.

Para garantir que a escolha será a mais aproximada do tom natural, o ideal é experimentar o produto nas bochechas. Lembrando que ele não deve ficar nem mais claro nem mais escuro para que a maquiagem tenha um aspecto melhor.

Escolha o tipo que mais combina com você

Além da cor — que já é um grande desafio — é fundamental acertar no tipo de base. Ela pode ser líquida, cremosa ou em pó e o que vai determinar a melhor escolha é o tipo de pele em relação à sua oleosidade. Vamos explicar melhor a seguir.

Pele oleosa

Ainda há pessoas que pensam que a pele negra é sempre mais seca, o que é uma grande inverdade. Ela pode ser bastante oleosa e isso acaba influenciando no resultado da maquiagem a longo prazo. Nesse caso, o ideal é a base em pó, com acabamento em efeito mate. Ela ajuda no controle da oleosidade e tem uma durabilidade maior.

Pele seca

No caso da pele seca, a base líquida é a mais indicada. Ela ajuda na hidratação e também pode ter um acabamento em efeito mate. Assim, ela proporciona uma aparência mais saudável e uniforme à pele e não causa o craquelamento.

Pele mista

Em geral, a pele mista tem a zona T (região que inclui a testa, o nariz e o queixo) mais oleosa e o restante do rosto mais seco. Existem marcas de base que atendem a essas necessidades, mas também é possível se maquiar usando dois produtos diferentes, um para cada região.

Na dúvida, o melhor é fazer um teste para ver a duração e os efeitos da oleosidade da pele na maquiagem depois de algumas horas. Agora que você já aprendeu como escolher a base certa, suas produções serão muito mais arrasadoras e a sua autoestima ficará sempre renovada.

Gostou das dicas? Então, compartilhe-as com seus amigos nas redes sociais e ajude-os também!

Todo Black é Power

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


Share This